"A vida tem outro sentido": testemunhos

"É na cidade que somos cidadãos e exercemos a cidadania. A cidade é berço de liberdade e de acção criativa, é rosto vivo do pluralismo que nela fervilha. Cidade são centros e periferias. E cidade é também individualismo e solidão, encontro contínuo de isolamentos vários, é estar com e estar só, é o salve-se quem puder estando todos juntos, é espaço e tempo da inclusão e da exclusão de concidadãos."

[Joaquim Azevedo, 2001, Comunidades (de) aprendentes, Um futuro outro para as cidades e para os cidadãos]

 

Os mais velhos, não é novidade, constituem uma parte da população particularmente exposta à exclusão e à solidão. Mas, nem por isso deixam de partilhar a sua esperança e testemunho.

 

publicado por portosolidao@sapo.pt às 22:54 link do post | comentar | favorito